10 de dezembro de 2008

CLI - O Verdadeiro Tesouro

Bodhidharma, nascido no Sri Lanka uns 500 anos depois de Jesus Cristo, foi o 3º filho do Rei. Aos 8 anos de idade já se podia afirmar que tinha atingido o satori. Eis aqui porquê:

Um dia, o seu mestre, um monge muito ilustre chamado Hannya Tara, recebeu do Rei uma pedra de valor inestimável. O mestre perguntou aos 3 príncipes: - Conheceis alguma coisa mais valiosa do que esta pedra em nosso mundo?


O príncipe mais velho respondeu: - Somente vós, mestre, recebeste esse presente; estais de posse do mais belo tesouro da terra.


O 2º príncipe respondeu igualmente: - Ainda que busquemos toda a nossa vida, não poderemos encontrar em nosso mundo uma pedra que se lhe compare.


Bodhidharma, que tinha então 8 anos, disse por sua vez: - É um tesouro inestimável, mas é um tesouro deste mundo, um tesouro vulgar. Penso que a sabedoria é mais valiosa que o tesouro, pois é ela que o valoriza e não o contrário. Compreender o valor deste tesouro é igualmente uma forma de sabedoria; não obstante, tal sabedoria carece de profundidade; pois, compreender que o diamante é uma pedra preciosíssima, de valor muito maior que um caco de vidro, é apenas sabedoria social.


E Bodhidharma rematou: - O verdadeiro tesouro consiste na sabedoria profunda de nos compreendermos a nós mesmos.


in: A Tigela e o Bastão – Taisen Deshimaru

4 Comments:

Blogger LB said...

... esse é o grande desafio! Belo Blog.

quinta-feira, dezembro 18, 2008 1:47:00 da manhã  
Blogger arturibeiro said...

LB, beijinho. Aparece!

quinta-feira, dezembro 18, 2008 12:46:00 da tarde  
Blogger joquinhas said...

Artur:
é com um prazer enorme, um sorriso nos lábios, uma lágrima no olho, que todas as vezes que passo aqui só apetece ficar...
tu és especial!
energia positiva para ti*

domingo, dezembro 21, 2008 11:30:00 da tarde  
Blogger arturibeiro said...

joquinhas,
beijinho grande. LUZ.

terça-feira, dezembro 23, 2008 10:28:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home